Meu exemplo de político em Cianorte tem um nome. Torço que o Franzato também o seja

Por Paulo Tertulino - Blogueiro


Tive a grata satisfação de trabalhar na primeira gestão do saudoso Jorge Moreira da Silva. Jovem preferi não ser efetivado no cargo. Fiquei em cargo comissionado mesmo. Tinha outros planos. O pequeno grande homem era de sabedoria ímpar. Dizia ele que na administração pública desnecessário inventar. Antes de fazer, ouça a população. É o cidadão, a cidadã, a família que sabem das dificuldades da cidade. Em um ano e pouco que estive participando do dia-a-dia da Prefeitura aprendi muito com ele. Diariamente incontáveis reuniões no gabinete. A gente – nós que o assessorámos sabíamos que devia anotar tudo. Ele? Acendia seu cachimbo, dava algumas baforadas, mais ouvia que falava. Dava voz e vez para o povo. Ao final do dia reunia a turma e delegava ordens. E dizia – Daqui três dias vou lá para ver. O prefeito Marco Franzato está fazendo o mesmo, só que no caminho inverso – corre a banhada, verifica o problema e cobra solução de sua equipe. Acompanho com atenção este jeito de administrar.

3 visualizações
banner_anuncie (1).png