Instaurada comissão processante para analisar o caso vereador Dadá

Por Paulo Tertulino - Blogueiro



Com base em decisão judicial, a Câmara de Vereadores instaurou comissão processante para analisar o caso do vereador Dadá denunciado por suposta rachadinha no exercício do mandato passado em concluio com seu assessor Zico. A comissão nomeada terá 90 dias para analisar o caso período no qual o vereador e seu assessor não terão acesso aos respectivos gabinetes no Legislativo Municipal. Ficam ainda proibidos de manter contatos com as oito testemunhas do caso. A comissão está formada pelos vereadores: Thiago Fontes (presidente), Dejair Melo, relator e Marcos Madeforte, membro.

72 visualizações
banner_anuncie (1).png