BN_LOGO-removebg-preview(1).png
200.gif
amazongiftcard.jpg

Cascavel e Foz dizem “não” à proposta de novas praças de pedágio no Paraná

Por Paulo Tertulino - Blogueiro


De acordo com a Assessoria de Comunicação da Assembléia Legilativa (ALEP), nas duas primeiras audiências públicas realizadas até aqui, lideranças políticas regionais e representantes da sociedade civil organizada disseram “não” ao modelo proposto para a instalação de novas praças de pedágios em diversas regiões do Paraná. As audiências ocorreram na sexta-feira e ontem (06), respectivamente.

A opinião geral, conforme textos publicados no site oficial da ALEP, o modelo híbrido proposto com tarifas mais em conta vai repetir os mesmos erros de projetos anteriores, sem a garantia concreta de que rodovias serão efetivamente duplicadas, assim como a construção de contornos e de outras obras previstas na proposta do Governo. A série de audiências públicas sobre o novo modelo de concessão do pedágio no Paraná continua na próxima semana, quando os encontros serão realizados na cidade de Londrina, na quinta-feira (11) a partir das 9 horas na sede da Sociedade Rural do Paraná, no Parque de Exposições da cidade, e na sexta-feira (12) a partir das 8h30 na cidade de Cornélio Procópio, no auditório da Universidade Técnica Federal do Paraná (UTFR). Estão previstas ainda audiências nas cidades de Guarapuava (18/02), Francisco Beltrão (19/02), Maringá (25/02), Apucarana (26/02), Curitiba (04/03) e Ponta Grossa (05/03), em locais ainda a serem confirmados.