Bolsonaro declara que vai se reunir com o Conselho da República nesta quarta-feira

Por Paulo Tertulino - Blogueiro


Falando a apoiadores nesta manhã de feriado durante a manifestação em Brasília, Bolsonaro declarou que vai se reunir nesta quarta-feira com o Conselho da República. “Vou levar fotografias com vocês e mostrar para onde todos devemos ir”. Sua fala imediatamente repercutiu em dezenas de sites de notícias.


O Conselho da República se reúne em situações excepcionais por convocação do presidente da República. Ele é formado pelo próprio presidente, pelo vice-presidente, os presidentes da Câmara e do Senado; os líderes da maioria e da minoria na Câmara e no Senado; o ministro da Justiça e também seis cidadãos — dois escolhidos pela Câmara, dois pelo Senado e dois pelo presidente.


Especialistas avaliam que Bolsonaro pretende apresentar um projeto golpista. O jurista Walter Maierovitch, presidente do Instituto Giocamni Falcone de Ciências Criminais, em entrevista à Globo News afirmou não ser outra razão senão o presidente propor Estado de Defesa e de Sítio.


Caso qualquer um deles seja instaurado ou os dois, um sequência do outro, os cidadãos ficarão privados de diversos direitos individuais e coletivos, até que a situação perdure.


Para melhor compreensão dos leitores, sugiro a quem interessar possa leiam este artigo jurídico no link: www.politize.com.br/estado-de-defesa-estado-de-sitio-intervencao-federal/