ews-removebg-preview.png
5b6c7583841b95f989bba6e0f2a9e9a4.gif

Bastidores Politico de Cianorte, uma visão da realidade que se estende por anos...

Por: Marcio Nolasco - Analista de Políticas Públicas


Cianorte é uma das 30 cidades polo do estado do Paraná, e dentre todas elas é a cidade que sofre maior déficit de representatividade política na Capital Estadual (Curitiba), não só nesse governo mais no conjunto de governos das ultimas duas décadas.


Raríssimas vezes Cianorte teve alguém em Curitiba que tivesse "tinta na caneta", chegam na capital com cargos de assessoria ou outros, acabam ajudando, mais não tem poder de decisão. Isso se deve em partes porque o poder político da cidade sempre esteve centrado na mão do Prefeito e dos Deputados, e para estes nunca foi interessante deixar que uma terceira pessoa tenha o controle nas mãos, criasse nova força e tivesse voz em Curitiba.


Para os Prefeitos e Deputados, é muito cômodo e melhor, que não se tenha outro interlocutor na capital, se não tem uma pessoa com cargo de secretário, assessor ou outra posição importante, o contato do governo estadual com a cidade é feito direto com o Prefeito ou outros Deputados que não são da cidade.


Então, historicamente, não convém ter representante na capital, pois essa representação acaba ganhando força e pode alçar voos eleitorais. Dessa forma o Governo do Paraná não prestigia ninguém de Cianorte e quem "tem força" em Cianorte não reclama, este é o jogo "me engana que eu gosto", e a população nem percebe que esta sendo vítima deste jogo...


Nessa condição política que se arrasta já faz anos em Cianorte, vemos agora alguns fatos novos.


O Deputado Jonas Guimarães retira a candidatura sem aparentemente deixar um "sucessor" ou alguém que herde seu espaço político, já o Prefeito "quase que certo" vai optar por apoiar candidaturas de Campo Mourão para Deputado Estadual e de Ponta Grossa para Federal, pelo menos é oque se desenha nos bastidores até o momento.


Isso significa, que apesar de Cianorte ter mais de 10 nomes na disputa das eleições entre deputados estaduais e federais, a possibilidade da cidade ficar sem representação é quase total, a chance de um deles ser eleito é quase remota...


Foto: Câmara dos Deputados Federais


Para Deputado Federal o jogo é bem complicado, nas legendas mais disputadas o candidato precisa de 70 a 80 mil votos, não é o caso de cianortenses que estão em legendas bem menores, mais em nenhuma delas ninguém se elege com menos de 40 mil votos, não existe e não se tem essa chance... qualquer discurso ao contrário é mera especulação.


Para deputado federal numa legenda, por exemplo como o PODEMOS, não se elege um nome com menos de 40 a 45 mil votos, onde Dallagnol faz 300 mil votos e pode levar mais alguém com 40 mil votos, pode acontecer em outro partido? sim pode! mais é muito remota essa possibilidade. É apostar na Mega Sena da virada e achar que vai ganhar com um único bilhete, a probabilidade e matemática revelam que as possibilidades são muito pequenas.


Temos excelentes nomes para deputados federais em Cianorte, mais as chances são extremamente difíceis nessa disputa para o Planalto Central. Existe sim uma chance destes candidatos criarem um nome e serem credenciados para novas eleições no futuro.


Para Deputado Estadual, o jogo não difere muito, mais a elasticidade é um pouco maior, para federal a legenda por exemplo de onde Jonas Guimarães retirou a disputa, com 40 mil votos tem pouca chance de eleição, na maior parte das outras legendas se tem chance apenas acima dos 30 mil votos, e vai acontecer em uma ou outra legenda se ter chance de ser eleito com votação acima de 25 mil votos, quais são essas legendas? É difícil de se afirmar, mais se avaliarmos a quantidade de candidatos que temos em Cianorte para estadual, no máximo 1, 2 destes irá fazer 5 dígitos em votos, esses ainda irão fazer 10 mil a 12 mil votos, não chegando nem na metade do caminho, então as chances são muito pequenas.


Nesse quadro que se pinta é a sociedade cianortense que tem que perceber que esse é um jogo que deve ser jogado pela sociedade, e não por partidos que não estão "nem ai" pra Cianorte.


Cada legenda quer lançar o seu candidato, e buscar ajuda de votos para eleger os caciques eleitorais, os candidatos das grandes cidades e o pessoal de Cianorte são apenas Cabos Eleitorais de Luxo, vão fazer 1, 2, 3, podem ate fazer 10 mil votos, não se elegem e vão ajudar a eleger os donos das legendas, os que tem coturno alto.


A sociedade deve entender que as legendas nos usam porque é muito conveniente para elas e as nossas "lideranças políticas" não querem sombra e que ninguém sai de baixo do guarda chuvas, se Cianorte elege um Deputado Federal ou Estadual, nós da sociedade (o povo) passamos a ter uma nova peça no tabuleiro político, com mais uma pessoa que vai ter importância no jogo e que em 24 vai estar participando em condições de igualdade na disputa municipal, como candidato ou como apoiador, isso "não é conveniente para ninguém".


Então mais uma vez, Cianorte é vítima da insensatez política local e da visão personalista de nossas lideranças que estão jogando a sorte para o vento, estão jogando pra si mesmos, se um deputado for de Curitiba, Londrina, Maringá, Ponta Grossa, etc... pra eles muito melhor, pois não estão em Cianorte no dia a dia "disputando espaço" no poder local.


É assim que é... aguardemos os resultados das urnas! depois voltamos a conversar...


  • Whatsapp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • TikTok
Destaque