ews-removebg-preview.png
5b6c7583841b95f989bba6e0f2a9e9a4.gif

Até quando a duplicação da rodovia 323 continuará só no plano de promessas?

Por Paulo Tertulino - Blogueiro


Um dos mais importantes corredores para transporte da produção agropecuária do Noroeste do Paraná e do Mato Grosso do Sul em direção aos portos.


Quando foi pavimentada nos anos 70 foi uma festa. Só a construção sobre a ponte sobre o Rio Ivaí já valeria o ingresso. Balsa nunca mais.


Os tempos eram outros. Hoje o pavimento da 323 está longe de atender as necessidades. Esburacada e com trechos perigosos de trafegabilidade. Não por acaso apelidada de rodovia da morte.


Sai governo e entra governo e as promessas se renovam. Não passa de falácia este projeto de duplicação implementado pelo Ratinho Júnior.


Como bem retratou o advogado Rubens Pereira de Carvalho, uma das grandes lideranças do movimento do Noroeste pela duplicação da rodovia, uma vergonha o que foi feito próximo a Dr. Camargo. Ao invés de trazer segurança, significa risco à vida. Como mostra a foto. Sem mais. Agora é só cobrar reação de nossos representantes políticos.


  • Whatsapp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • TikTok
Destaque
6c1fbcee6a118df4a005a03243979426.jpg

* As matérias e artigos aqui postados não refletem necessariamente a opinião deste veículo de notícias. Sendo de responsabilidade exclusiva de seus autores.