ews-removebg-preview.png
5b6c7583841b95f989bba6e0f2a9e9a4.gif

A Prefeitura cortou o cordão umbilical com a Expovest?

Por Paulo Tertulino - Blogueiro


Poucas feiras de moda pelo Brasil são tão longevas. A Expovest chega a sua 49ª edição entre 28 e 1º de abril para o lançamento da Moda Outono/Inverno. Pasmem! Em plena época intermediária do ano. Já estamos no Outono.


A pandemia paralisou ou ao menos desacelerou diversos setores. Não foi diferente com as confecções. Os empresários do setor vestuário em Cianorte resistiram firme. Sem demissões em massa. E agora recomeçaram a contratar.


A Expovest, meus amigos e minhas amigas, está consolidada como o único grande evento no calendário de Cianorte. Nem adianta tentar me convencer do contrário. Em todos os estados do País e em qualquer cidade, sempre haverá uma loja vendendo uma roupa fabricada em Cianorte, sempre...


Nesta edição, pela primeira vez na história, não haverá um centavo de ajuda da Prefeitura. E olha que o prefeito tem seus principais negócios na área de confecções. Suas gripes vão se beneficiar da marca Expovest.


Com a ausência deste apoio oficial, o prefeito de plantão contraria uma das atribuições da política industrial do Município, qual seja “apoiar e participar da negociação de projetos de instalação de empresas ou conglomerados industriais, bem como de eventos, feiras e exposições que visem o desenvolvimento empresarial no município”.


Não inventei nada. Está no site da Prefeitura quanto às atribuições da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (antiga Indústria, Comércio, Serviços e Turismo). E ai?



  • Whatsapp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • TikTok
Destaque
6c1fbcee6a118df4a005a03243979426.jpg

* As matérias e artigos aqui postados não refletem necessariamente a opinião deste veículo de notícias. Sendo de responsabilidade exclusiva de seus autores.