ews-removebg-preview.png
5b6c7583841b95f989bba6e0f2a9e9a4.gif

A frágil política de privacidade do Faceboock

Por Paulo Tertulino - Blogueiro


Na tarde desta terça-feira (1º) fui surpreendido. Tentei publicar nas minhas páginas no Facebook e veio a notificação – “não pode publicar e nem comentar por dois dias”. Diz o comunicado que violei a política de privacidade da plataforma. Uau!


Fui ver as graves faltas que cometi. Em 13 de junho de 2021 comentei postagem de um amigo conhecido como Rato. Na zoação disse “Vou te matar Rato”. Tem o comentário, mas não tem o que ele postou.


Penalidade 2 – Em 16 de setembro comentei em uma postagem “Todas muié são interesseiras”. Comentei em postagem aleatória. Tem o comentário, mas não tem a postagem.


Penalidade 3 – Em 1º de fevereiro de 2022 “KKKKK Arrebentaria se falasse isto”. Comentário em postagem de um amigo. Não postou o texto da postagem.


Ou seja – Cometi três penalidades por que a plataforma entendeu que encintei o ódio. São três amigos meus. Consultei os três. Me disseram que levaram os respectivos comentários na zoeira.


Que política de privacidade é esta? Que não levanta quem é amigo de quem. Por isto o Facebook está perdendo milhões de seguidores ao redor do mundo. Não checa as informações como devem ser checadas.


  • Whatsapp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • TikTok
Destaque
6c1fbcee6a118df4a005a03243979426.jpg

* As matérias e artigos aqui postados não refletem necessariamente a opinião deste veículo de notícias. Sendo de responsabilidade exclusiva de seus autores.