ews-removebg-preview.png
5b6c7583841b95f989bba6e0f2a9e9a4.gif

A culpa

Por Psicóloga Djeyme



Quem nunca sentiu o peso da culpa rondando os pensamentos ou atormentando os dias?

Quantos de nós convivemos com a sequela de ter feito algo errado a alguém que amamos ou admiramos, de ter sido repreendido por algo não feito, ou ainda de decepcionar-se.

Saiba que a culpa é comum a todos nós, inerente, e tem uma função existencial importante para o nosso autoconhecimento.

Como assim, para o autoconhecimento?

Isso dependerá da maneira com que escolhemos vivenciar a culpa.

Temos dois modos de vivenciá-la: um deles, acredito que seja o mais popular, aquele que alia a culpa ao erro. O outro modo, que considero o mais essencial, é compreendermos o sentimento de culpa como falta.

Agora, pense comigo: se olharmos a culpa como sendo um erro, teremos motivos para nos sentirmos mal, mas quando percebemos a culpa com um significado de falta, como lacuna em nosso ser, compreendemos que nesta falta algo pode ser aprendido, nascendo deste modo um movimento de reparo.

Perceba que interessante, a culpa pode nos trazer outra consciência sobre nossa condição humana: Que somos seres em débito, seres que erram!

Entendo que viver em um mundo onde o acerto é algo de mais valia, assumirmos então nossa falta não parece ser muito agradável.

Ao sair deste mundo binário do certo ou errado e nos apropriarmos de nossa falibilidade, tiramos de nós o remorso e a autodepreciação e assumimos nossa condição livre e criativa de sermos uma nova pessoa.

Se ficarmos presos na culpa como erro e não tivermos uma leitura compreensiva do que ela pode nos revelar, caímos no que chamamos Curto Circuito da Culpa, e vamos generalizando traumas.

Olhe para sua culpa e não crie dispositivos de fuga. Reconheça a parte que lhe faltou e assuma sem receios, aceite que você não é capaz de acertar sempre e acolha suas falhas.

A auto aceitação é o remédio mais eficiente contra este sentimento tão perturbador.




  • Whatsapp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • TikTok
Destaque
6c1fbcee6a118df4a005a03243979426.jpg

* As matérias e artigos aqui postados não refletem necessariamente a opinião deste veículo de notícias. Sendo de responsabilidade exclusiva de seus autores.